quinta-feira, 30 de junho de 2011

Torneio de Wimbledon usa gaviões para preservar gramados

O gavião-asa-de-telha Rufus está ajudando na
preservação dos gramados de Wimbledon

Os organizadores do torneio de tênis de Wimbledon, na Inglaterra, estão empregando gaviões para ajudar na tarefa de preservação dos gramados.

A tarefa dos animais treinados é espantar pombas e outros tipos de bichos que estragam piso do tradicional torneio, onde tenistas de primeira linha, como Maria Sharapova e Rafael Nadal, disputam um dos troféus mais cobiçados do esporte.

Os gaviões-asa-de-telha pertencem a uma empresa britânica que aluga aves para diversas atividades no dia a dia.

Veja o vídeo a seguir

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Conheça a cigarra-verdadeira, uma espécie que, apesar do nome, é uma ave

Foto: Silvia Linhares (Parque da Cantareira)
Em qualquer festa de aniversário, na hora da foto, ele é lembrado. Junto da pose e do sorriso, o “olha o passarinho!” é inevitável. Então, é claro que, nesta Galeria especial, quem ganha o cartaz é a cigarra-verdadeira, uma espécie que, apesar do nome, é uma ave que tem um canto semelhante ao som emitido pelas cigarras.

Parente dos canários, a cigarra-verdadeira é encontrada somente na mata atlântica. Vive em grupo e realiza longos vôos, sendo que gosta de sobrevoar áreas mais abertas, como pântanos e plantações de arroz. Não costuma ficar muito tempo na mesma área da floresta.

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Acasalamento da Mãe-da-lua ou Urutau - veja o vídeo!

http://luis.impa.br/
O Mãe-da-lua é um Caprimulgiforme da família Nyctibiidae. Conhecido também como Urutau, Urutau-comum, Kúa-kúa e Uruvati (nomes indígenas - Mato Grosso). O nome Urutau é tupi e significa “ave fantasma”. Há uma crendice na Amazônia de que as penas da cauda do urutau protegeriam a castidade. Por isso, a mãe varre debaixo das redes das meninas com uma vassoura confeccionada com estas penas.

Mede cerca de 37 cm de comprimento, 80 cm de envergadura e pesa entre 160 e 200 g (macho). De cor cinza ou marrom mesclando vários tons destas cores com o branco e o preto (rajado, no popular). Possui uma adaptação única em aves, chamada de “olho mágico”. São duas fendas na pálpebra superior, as quais permitem que fique imóvel por longos períodos, observando os arredores, mesmo de olhos fechados.

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Consulta Pública Aberta - Imagem em Unidades de Conservação Federal

Tão logo nos deparamos com o desmonte da legislação ambiental e a imagem dos orgãos ambientais federais associadas na impreensa a tantos empreendimentos impactantes em nossa paisagem natural, percebemos o quanto se faz importante nossa participação política neste processo democrático de consulta pública.

O Instituto Chico Mendes abriu o diálogo com os praticantes de uma atividade que sempre foi uma das maiores aliadas das Unidades de Conservação, a fotografia, recebendo nosso Conselheiro Fábio Colombini no gabinete da presidência do Instituto no dia 20 de maio passado em Brasília.

sexta-feira, 3 de junho de 2011

Socorro! Alguém me tira daqui!

Sou contra manter aves em cativeiro! Você seria feliz se vivesse preso em uma jaula? Nem elas...
Aprenda a observar aves no seu habitat. Seja consciente, pratique a preservação do meio-ambiente.

Aves livres são mais felizes.